Teaching English in the Kindergarten Sharing good ideas! - PowerPoint PPT Presentation

Loading...

PPT – Teaching English in the Kindergarten Sharing good ideas! PowerPoint presentation | free to view - id: 404133-NmQ3N



Loading


The Adobe Flash plugin is needed to view this content

Get the plugin now

View by Category
About This Presentation
Title:

Teaching English in the Kindergarten Sharing good ideas!

Description:

Teaching English in the Kindergarten Sharing good ideas! ... Activities most suited to very young learners are those which involve songs, chants, rhymes, stories, ... – PowerPoint PPT presentation

Number of Views:494
Avg rating:3.0/5.0
Slides: 43
Provided by: AnaS90
Category:

less

Write a Comment
User Comments (0)
Transcript and Presenter's Notes

Title: Teaching English in the Kindergarten Sharing good ideas!


1
Teaching English in the KindergartenSharing good
ideas!
  • Ana Alexandra Silva
  • Jardim Infantil Nossa Senhora da Piedade
  • Évora

21st APPI Conference APPInep 5th May 2007
2
Teaching English in the Kindergarten
1 . A Educação Pré-Escolar
  • Desenvolver a segurança e o equilíbrio afectivo
  • Conhecer o seu corpo
  • Desenvolver capacidades motoras
  • Adquirir progressivamente autonomia
  • Relacionar-se com os outros e respeitá-los
  • Comunicar e expressar-se através de diferentes
    linguagens
  • Aprender, fazendo e experimentando
  • Observar e compreender o mundo em que vive.

3
1 . 1 Características da idade 3 a 6 anos (I)
Áreas de desenvolvimento Idade 3 6 anos Implicações pedagógicas
Formação pessoal e social Identifica a imagem corporal global Adquire coordenação e controlo do próprio corpo Explora os cinco sentidos Respeita e valoriza as normas de convivência entre as pessoas Desenvolve a identidade e autonomia. A professora precisa de incluir actividades que envolvam a criança na sua totalidade, dando oportunidade para a criança se mover na sala, cantar, explorar, tocar, pensar, jogar, falar
Conhecimento do mundo Identifica e relaciona os membros da sua família Conhece alguns animais, suas características e habitats. As actividades deverão incluir aquilo que está próximo das crianças, tirando partindo do seu meio envolvente e explorando-o.
4
1 . 1 Características da idade 3 a 6 anos (II)
Áreas de desenvolvimento Idade 3 6 anos Implicações pedagógicas
Expressão e Comunicação Exp. Dramática Exp. Plástica Exp. Musical Exp. Linguística Exp. Escrita Dramatiza situações do quotidiano Representa situações ou personagens reais ou inventadas Conhece e explora as possibilidades expressivas Desenvolve a destreza manual Explora as possibilidades rítmicas do som Memoriza canções Adquire um vocabulário adequado à idade para se expressar de uma forma autónoma e correcta Utiliza a linguagem oral para descrever e evocar objectos, acontecimentos, situações distintas e expressar sentimentos, desejos, ideias e necessidades. As actividades de motricidade fina devem ser variadas de forma a possibilitar à criança a experiência de diferentes técnicas cortar, colar, modelar, desenhar, pintar, dobragem As actividades visam o desenvolvimento das capacidades auditivas e orais das crianças, promovendo a concentração. A professora expõe as crianças à língua, através de canções, poemas, rimas. Desenvolvimento da literacia através do uso de pequenas histórias, rimas e canções.
5
1 . 1 Características da idade 3 a 6 anos (III)
Áreas de Desenvolvimento Idade 3 6 anos Implicações pedagógicas
Domínio da Matemática Compreende quantidades e volumes Identifica as cores primárias e secundárias Compara tamanhos, comprimentos, pesos, alturas entre objectos Identifica posições face a um elemento de referência Estabelece sequências temporais Classifica e seria objectos segundo um critério dado, de tamanho, forma, cor ou espessura. A professora expõe as crianças a actividades relacionadas com o domínio da matemática números, formas e tamanhos.
6
1 . 1 Características da idade 3 a 6 anos (III)
  • The implications of all this for the language
    teacher are that the main emphasis should be on
    the type of activities which children normally do
    at pre-school, adapted to language learning.
    Activities most suited to very young learners are
    those which involve songs, chants, rhymes,
    stories, total physical response, tasks that
    involve drawing, colouring, cutting and sticking,
    games, puzzles, dressing up, acting, and lets
    pretend.
  • V.
    Reilly and S. M. Ward 1997 9.

7
1 . 2 Jardim Infantil Nossa Senhora da
PiedadeProjecto Ensino Precoce da Língua Inglesa
  • JINSP
  • Évora
  • 124 crianças inscritas
  • IPSS (Instituição Particular de Solidariedade
    Social)
  • Oferece Inglês como actividade extracurricular
  • Próximo ano lectivo
  • Candidatura ao Programa de Aprendizagem ao Longo
    da Vida, Sub-Acção Comenius
  • Inserção do ensino precoce da Língua Inglesa no
    Plano de Actividades

8
2. Ensinar Inglês no Pré-Escolar
  • The main conclusions drawn from the research
    were that early language learning can have a very
    positive effect on pupils, in terms of language
    skills, positive attitudes to other languages and
    cultures and self-confidence. Nevertheless an
    early start doesn't in itself guarantee better
    results than a later one. For success to be
    possible, certain conditions in terms both of
    pedagogy and of resources must be created.
  • Cf. Foreign languages in Primary and Pré-school
    Educatin Context and Outcomes http//ec.europa.eu
    /education/policies/lang/key/foreign_en.html

9
2. Ensinar Inglês no Pré-Escolar
  • Children bring to language learning their
    curiosity and eagerness to make sense of the
    world. They will tackle the most demanding tasks
    with enthusiasm and willingness.
  • L. Cameron 2005 246.

10
2. Ensinar Inglês no Pré-Escolar
Sensibilizar para a Língua Estrangeira
  • Sensibilizar para a LE não é apenas ensinar
    vocabulário.
  • Competências orais ouvir e falar.
  • As crianças apreendem o significado pelo contexto
    e entoação associados, pelas expressões faciais,
    mímica e gestos.
  • O educando apresenta uma motivação intrínseca
    extremamente forte e a sua vontade de assimilar
    uma língua é espantosa.
  • Cada criança tem o seu próprio período
    silencioso It is not a good idea to try to
    force them to speak in the target language as
    this can create a lot of emotional stress. Even
    if small children are not actually saying
    anything, they will still be taking it in. V.
    Reilly, S. M. Ward, 1997 7

11
2. Ensinar Inglês no Pré-Escolar
Alguns princípios orientadores para o Ensino
Pré-Escolar (I)
  • Diversidade linguística e cultural
  • Competência comunicativa
  • Agir e comunicar.
  • Usos de língua a privilegiar na iniciação
  • audição e a reprodução de rimas, canções,
    poemas
  • compreensão de acontecimentos principais de uma
    história transmitida em registo áudio ou
    audiovisual
  • participação em jogos de expressão dramática
  • compreensão de instruções simples.

12
2. Ensinar Inglês no Pré-Escolar
Alguns princípios orientadores para o Ensino
Pré-Escolar (II)
  • Desempenhos e capacidades essenciais
  • discriminação e imitação de sons, entoações e
    ritmos em realizações linguísticas consideradas
    pertinentes
  • reconhecimento de diferentes tipos de enunciados
  • memorização apoiada em suportes visuais,
    auditivos e gestuais
  • reprodução de enunciados curtos em situações de
    comunicação.

13
2.1 COMO TUDO COMEÇA
  • A criança
  • É o primeiro ano da criança em ambiente escolar?
    Até agora tem estado com os pais, avós ou
    familiares próximos?
  • Mudança da creche para o jardim de infância
  • Materiais e equipamentos novos

14
2.1 COMO TUDO COMEÇA
  • Professora de Inglês
  • Período de adaptação / reconhecimento
  • Conhecer a educadora e auxiliar
  • Conhecer o espaço (para depois ser mais fácil
    organizá-lo)
  • Familiarizar-se com os meninos permitir que eles
    convivam com a professora de Inglês e começar a
    despertar-lhes a curiosidade para o que vai
    acontecer.

15
2.1.1 Algumas actividades para o início do ano
lectivo
  • Nameplates e finger puppets

16
2.1.1 Algumas actividades para o início do ano
lectivo
  • Songs

Hello, hello, hello whats your name? Hello, hello, hello whats your name? My name is Hello Hello
Hello, Good Morning, how are you, how are you? Hello, Good Morning, how are you, how are you? Im fine, thank you! Im fine, thank you
17
A song Hello, good morning, how are you?
2.1.1 Algumas actividades para o início do ano
lectivo
18
2.1.1 Algumas actividades para o início do ano
lectivo
  • Games
  • Pass the ball
  • Depois das nameplates construídas e das canções
    bem ensaidas, faz-se o jogo Pass the ball. O
    menino que ficar com a bola tem que dizer Hello,
    whats your name? E atira a bola a um colega, que
    a recebe e responde Hello, my name is_______.
  • Lets pretend
  • A última canção The hello song permite uma
    actividade de tipo TPR (Total Physical Response),
    pois os meninos podem encenar a canção à medida
    que ela for acontecendo.

19
2.1.2 A organização da sala e rotinas no
Pré-Escolar
  • Cantinho do Inglês

20
Uma aula de inglês passa pelos seguintes
momentos
2.1.2 A organização da sala e rotinas no
Pré-Escolar
  • Uma canção inicial
  • Os meninos são encorajados a chamar pelo Tiggy, o
    nosso amigo tigre, que só fala em Inglês
  • O Tiggy chega para cantar Hello good morning,
    how are you?
  • O Tiggy cumprimenta todas as crianças durante a
    canção.
  • Actividades diversificadas
  • Contar uma história
  • Jogos de memória e concentração
  • Canção relacionada com as actividades
  • Actividades de expressão plástica.
  • O Tiggy é de novo chamado ao grupo para se
    despedir dos meninos
  • O Tiggy canta a canção do adeus Goodbye,
    goodbye, see you soon

21
2.1.3 A organização de um curriculum (Plano de
Actividades)
  • The children will still be gaining basic skills
    such as holding a crayon or pencil, colouring in,
    relating the real thing to a pictorial
    representation of it, being able to recognize
    shapes, sorting and classifying, recognizing
    similarities and differences, using scissors,
    glue, and other implements. Any syllabus will
    have to take all these things into
    consideration.
  • V. Reilly and S. Ward 199713.

22
Proposta de conteúdos
2.1.3 A organização de um curriculum (Plano de
Actividades)
  • Identificação e saudações
  • Cores
  • Animais da quinta
  • Animais da selva
  • Números
  • Expressão de sentimentos
  • Partes do corpo
  • Família
  • Histórias tradicionais

23
VAMOS APRENDER INGLÊS SALA DOS 3 ANOS
Objectivos gerais - sensibilizar para a diversidade linguística e cultural - promover o desenvolvimento da consciência da identidade linguística e cultural através do confronto com a língua estrangeira e a(s) cultura(s) por ela veiculada(s) - fomentar uma relação positiva com a língua - fazer apreciar a língua enquanto veículo de interpretação e comunicação do/com o mundo que nos rodeia - contribuir para o desenvolvimento equilibrado de capacidades cognitivas e socioafectivas, culturais e psicomotoras da criança - proporcionar experiências de aprendizagem significativas, diversificadas, integradoras e socializadoras - favorecer atitudes de auto-confiança e de empenhamento no saber-fazer - estimular a capacidade de concentração e de memorização - fomentar outras aprendizagens.
Conteúdos - Saudações - Expressão de sentimentos - Cores e Animais (quinta e domésticos) - Família - Animais selvagens
24
VAMOS APRENDER INGLÊS SALA DOS 3 ANOS
Actividades - Flaschcards - Contar a história - Cantar a canção - Ordenar os flashcards de acordo com a sequência da história/canção - Responder a questões relacionadas com a história - Dramatizar a história - Jogos de memorização - Construção de fantoches
Vocabulário Hello, How are you? - Im fine, thank you Im happy Im sad Im angry Im sleepy - Red, yellow, pink, green, purple, orange, blue, white, brown, black - Bear, bird, duck, horse, frog, cat, dog, sheep, goldfish, mother, children - Mother, father, baby - Elephant, lion, giraffe, monkey, snake, camel - - Spider, water, rain, sun
Histórias Brown bear, brown bear what do you see? Goldilocks and the three bears Dear Zoo The itsy bitsy spider
25
VAMOS APRENDER INGLÊS SALA DOS 3 ANOS
Canções How are you? Goodbye song Brown bear, brown bear Happy Fathers day Happy Mothers day When Goldilocks went to the house of the bears The itsy bitsy spider
Actividades finais - Encenações das histórias - Canções - Cartazes
26
2.1.3.1 Algumas actividades desenvolvidas no
jardim de infância
  • Histórias
  • Stories are a valuable resource for the teaching
    of a foreign language, both as listening
    comprehension activities, and as a real language
    experience for children.
  • Stories help children understand the world around
    them and to share it with others. Children love
    hearing stories in their mother tongue, as they
    put in contact with the world that surrounds
    them. Stories in a foreign language can have the
    same effect.
  • Ângela Cofiño 1.
  • Que histórias escolher?
  • Como contar uma história?
  • Algumas histórias
  • I spy (Susan Beasly)
  • The princess song
  • Brown Bear, Brown Bear what do you see? (Eric
    Carle)
  • Dear Zoo (Rod Campbel)
  • Little Red Riding Hood
  • Goldilocks and the three bears

27
The Princess Song
  • A encenação da história foi conseguida através da
    utilização de adereços. Em grande roda, os
    meninos ouviram a história com o auxílio dos
    flashcards. Posteriormente, a história foi
    encenada pelos próprios meninos. Convidaram-se os
    meninos da sala ao lado para vir ver a encenação.

28
The Princess Song
  • Actividades de escrita
  • Reforçar vocabulário
  • Testar o nível de conhecimento sobre a história
  • Avaliar.

29
The Princess Song
30
Dear Zoo, Rod Campbel (I)
  • Esta história permite fazer uma transição entre
    os animais da quinta/domésticos e os animais da
    selva.
  • A protagonista é uma menina que deseja ter um
    animal da estimação.
  • Antes da história conversamos com as crianças
    sobre as diferenças entre os animais da quinta,
    os animais que podemos ter em casa e os animais
    que vivem na selva ou que estão no Jardim
    Zoológico.

31
Dear Zoo, Rod Campbel (I)
32
2.1.3.1 Algumas actividades desenvolvidas no
jardim de infância
  • Canções, rimas, poesias
  • A época de Natal é uma época especialmente
    mágica para as crianças Foi a partir da
    exploração desta imagem que se introduziu a
    canção Twinkle, twinkle little star. As
    crianças participaram activamente no decifrar da
    mensagem pictórica e a canção surgiu muito
    naturalmente.

33
Dia do Pai
  • O Dia do Pai e o Dia da Mãe são sempre dias
    especiais na vida das crianças. Eles empenham-se
    arduamente na tarefa de fazer alguma coisa para
    cada um dos pais. Aprender uma rima ou uma canção
    em Inglês já faz parte deste ritual.

34
The itsy bitsy spider (I)
  • A pequena aranha deliciou as crianças. Aprenderam
    a canção e os gestos que acompanhavam cada
    sequência da história. Depois construíram um
    livro que ficou na sua sala.
  • Na festa de final de ano, os meninos encenaram a
    história, tendo as suas pinturas apresentadas em
    imagens de fundo à medida que a história
    decorria.

35
The itsy bitsy spider (II)
36
2.1.3.1 Algumas actividades desenvolvidas no
jardim de infância
  • Actividades de expressão plástica
  • As actividades de expressão plástica fazem parte
    da vivência diária no jardim de infância. As
    histórias, as rimas, as canções têm que ser
    complementadas com actividades que promovam o
    desenvolvimento motor da criança. A sua
    coordenação óculo-manual ainda se está a
    desenvolver e a apurar, e as actividades
    relacionadas com o Inglês deverão reforçar esta
    componente.

37
Alguns exemplos de actividades de expressão
plástica
38
2.1.3.1 Algumas actividades desenvolvidas no
jardim de infância
  • Jogos
  • Os jogos são sempre actividades que as crianças
    gostam de fazer. Optei agora por mostrar os jogos
    mais simples que se podem fazer com as crianças,
    mas que servem para as estimular para a
    aprendizagem, recordando vocabulário que já terão
    aprendido.

39
2.1.4 Objectivos e avaliação de progressos
  • Objectivos
  • Desenvolvimento de uma relação positiva com a
    língua estrangeira
  • Progressos
  • Grelhas de observação

40
2.1.4 Objectivos e avaliação de progressos
Grelha de Observação Individual (Professora de Inglês) JINSP Grelha de Observação Individual (Professora de Inglês) JINSP
Nome
Atitudes perante o Inglês
Demonstra concentração e atenção
Mostra interesse em aprender inglês
Mostra-se motivado
Participa activamente nas actividades propostas
Demonstrar prazer nos jogos e actividades relacionadas com o Inglês
Ouvir
Compreende e segue instruções orais simples
Compreende as ideias principais de uma história
Falar
Identifica oralmente a imagem
Utiliza espontaneamente a LE no contexto adequado
Participa activamente em encenações de pequenas histórias
41
2.1.4 Objectivos e avaliação de progressos
Grelha de Observação Individual (Educadora) JINSP Grelha de Observação Individual (Educadora) JINSP
Nome
Atitudes perante o Inglês
Mostra estar motivado
Brinca com os materiais de Inglês
Canta ou pede para cantar canções em Inglês / dizer rimas em Inglês
Faz de conta em Inglês
Mostra interesse em saber mais sobre Inglês
Utiliza espontaneamente o Inglês no contexto adequado
42
(No Transcript)
About PowerShow.com