ORGANOGRAMA - PowerPoint PPT Presentation

Loading...

PPT – ORGANOGRAMA PowerPoint presentation | free to download - id: 48bee1-NGZjZ



Loading


The Adobe Flash plugin is needed to view this content

Get the plugin now

View by Category
About This Presentation
Title:

ORGANOGRAMA

Description:

ORGANOGRAMA GR FICOS DE ORGANIZA O E CONTROLE ORGANOGRAMA Gr fico que representa a estrutura formal da organiza o num determinado momento Deve ser usado como ... – PowerPoint PPT presentation

Number of Views:1361
Avg rating:3.0/5.0
Slides: 40
Provided by: Volnei
Learn more at: http://files.gerente.webnode.com
Category:

less

Write a Comment
User Comments (0)
Transcript and Presenter's Notes

Title: ORGANOGRAMA


1
ORGANOGRAMA
2
A Qualidade na Estrutura Organizacional
  • Acredita-se uma empresa terá uma estrutura
    organizacional de qualidade, se os seus processos
    estiverem mapeados com objetividade, visando
    atender aos requisitos de seus clientes,
    independente do modelo organizacional que estiver
    adotando.

Presidente
CLIENTE
Serviços
Comercial
Adm./Fin.
Administr.
Mecânica
Faturam.
Vendas
Financeiro
Revisão
Prazo
Vista
Caixa
Contas
3
Fatores a Considerar na Concepção Estrutural
  • Uma sólida sinergia interdepartamental
  • Uma abertura ampla e incondicional, junto ao
    macrossistema de informações

Clientes
Acionistas
Sociedade
Empresa
Concorrentes
Fornecedores
Sindicatos
Bancos
Governo
4
Fatores a Considerar na Concepção Estrutural
  • Privilegiar (em relação aos recursos e
    investimentos) as áreas que mantém contato direto
    com os clientes
  • Eliminar as atividades que não agregam valor para
    a empresa, terceirizando-as
  • Utilizar o benchmarketing para a concepção de um
    modelo de estrutura mais voltado para resultados
    do que para as funções
  • Aplicar o downsizing enxugando-a, tornando-a mais
    simples, ágil e interativa, e ainda, diminuindo
    os níveis de comunicação, facilitando a delegação
    de autoridade, ampliando os graus de
    responsabilidade, processando a melhoria contínua
    e, finalmente, garantindo a qualidade.

5
Fatores a Considerar na Concepção Estrutural
  • Colocar o cliente no topo da pirâmide
    organizacional coman-dando a empresa
  • Fazer da hierarquia apenas um referencial de
    coordenação e não uma ditadura
  • Fomentar a sinergia em todos os setores de modo
    que eles se esfor-cem e caminhem para um só
    objetivo, a satisfação dos clientes
  • Transformar os fornecedores em aliados,
    parceiros, respeitando suas obrigações para com
    eles
  • Ser competitivo e enfrentar com profissionalismo
    e honestidade os seus concorrentes
  • Valorizar os recursos humanos, motivando-os e
    desenvolvendo o espírito de equipe.

6
Metodologia para Avaliação de Estruturas
Organizacionais - MAEO
Definição da Missão e do Negócio da empresa
Aprovação e implantação
1
6
Seleção da alternativa mais viável
Levantamento de dados e informações
2
5
Apresentação de alternativas
Análise Funcional / Estrutural
3
4
7
Definição da Missão e do Negócio da Empresa
  • Antes de iniciar qualquer trabalho
    de organização ou de reorganização de uma
    empresa, é indispensável que se defina em
    primeiro plano a sua missão e o seu negócio.
  • Missão
  • É a expressão que define e justifica a
    razão de ser de uma organização.
  • Ex. Promover o ensino e a geração de
    conhecimento, formando o profissional
    compromissado com uma sociedade justa.
  • Negócio
  • É a síntese de uma proposta que uma
    empresa deseja oferecer aos seus clientes.
  • Ex. Ensino, pesquisa e extensão.

8
Trabalho de OrganizaçãoInformações Básicas e
Subsidiárias
  • Objetivos econômicos, financeiros, sociais e
    políticos de empreendimento
  • Mercado consumidor, local e global, e potencial
    dos concorrentes
  • Capacidade de investimentos e recursos
    disponíveis
  • Disponibilidade local de mão-de-obra qualificada
    e possibilidade de treinamento
  • Subsídios do governo municipal e estadual,
    incentivos fiscais e protecionismo do governo
    federal para os produtos a serem fabricados
  • Facilidades aduaneiras e meios de transporte para
    o escoamento da produção
  • Infra-estrutura física da cidade para construção
    da empresa e saneamento básico para os seus
    funcionários
  • Localização geográfica em relação a seus
    fornecedores / consumidores
  • Poder de mobilidade da classe sindical.

9
Trabalho de ReorganizaçãoInformações Básicas e
Subsidiárias
  • Para um trabalho de reorganização, além das
    informações citadas no trabalho de organização,
    considerar os seguintes aspectos
  • Nível Externo
  • ? Nível de aceitação dos produtos e serviços da
    empresa pelo mercado consumidor e o grau de
    satisfação gerado em seus clientes
  • ? Potencialidade de seus fornecedores
  • ? Capacidade tecnológica da empresa em relação
    aos seus concorrentes
  • ? Posição em relação à competitividade no mercado
    local e regional
  • ? Posicionamento da imagem institucional da
    empresa.

10
Trabalho de ReorganizaçãoInformações Básicas e
Subsidiárias
  • Nível Interno
  • Perfil profissional dos seus recursos humanos
  • Capacidade de liderança de seu corpo gerencial
  • Eficiência do sistema de informações
  • Qualidade dos programas de desenvolvimento de
    pessoal
  • Política salarial em relação ao mercado de
    trabalho
  • Nível de produtividade atual versus pretendido
  • Grau de motivação dos colaboradores no ambiente
    de trabalho
  • Ampliação da quantidade de parceiros e
    possibilidade de encampação de outras empresas
  • Possibilidade de crescimento físico.

11
ORGANOGRAMA
  • GRÁFICOS DE ORGANIZAÇÃO E CONTROLE

12
ORGANOGRAMA
  • Gráfico que representa a estrutura formal da
    organização num determinado momento
  • Deve ser usado como instrumento de trabalho
  • Requisitos
  • Fácil leitura
  • Permitir boa interpretação dos componentes da
    organização
  • Fazer parte de um processo organizacional de
    representação estrutural
  • Ser flexível
  • Há um grande número de técnicas de representação
  • Estrutural, circular ou radial, funcional,
    estrutural-funcional, matricial

13
OBJETIVOS
  • Demonstrar a divisão do trabalho
  • Dividindo a organização em frações
    organizacionais (partes menores)
  • Destacar a relação superior-subordinado e a
    delegação de autoridade e responsabilidade
  • Evidenciar o trabalho desenvolvido em cada
    unidade, detalhando
  • O tipo de trabalho desenvolvido
  • Os cargos existentes
  • Os nomes dos titulares
  • Quantidade de pessoas por unidade
  • A relação funcional além da relação hierárquica
  • Facilitar a análise organizacional

14
BENEFÍCIOS E LIMITAÇÕES
  • Permite detectar
  • Funções importantes negligenciadas e funções
    secundárias com demasiada importância
  • Funções duplicadas ou mal distribuídas
  • Facilita o SIG e o fluxo de comunicação
  • Auxilia a graduar trabalhos e tarefas e
    uniformizar cargos
  • Auxilia a visualizar o todo organizacional, as
    necessidades de mudanças e o crescimento da
    empresa
  • Limitações
  • Exibe apenas uma dimensão dos relacionamentos
    existentes entre indivíduos e as frações
    organizacionais
  • Mostra as relações que devem existir e não a
    realidade existente

15
REGRAS GERAIS
  • Deve conter nome da organização, autor, data e
    número.
  • Deve ser mostrada a referência de outros
    gráficos.
  • Para análise, deve apresentar a estrutura
    existente.
  • Cada função pode ser representada por um
    retângulo
  • Os retângulos devem conter os títulos dos cargos
  • Se há necessidade do nome do ocupante, este deve
    aparecer fora do retângulo (ou dentro com letra
    de tipo diferente)
  • Se o gráfico mostrar apenas parte da organização,
    deve haver linhas abertas para demonstrar
    continuidade.

16
SIGNIFICADO DOS COMPONENTES
17
ORGANOGRAMA ESTRUTURAL
Legenda
Autoridade funcional
Unidade provisória
18
ORGANOGRAMA ESTRUTURAL Características
  • Técnica utilizada para representar a maioria das
    organizações
  • No alto da folha, deve constar o nome da
    organização
  • Linhas
  • A linha cheia é de autoridade (vertical) e de
    coordenação (horizontal)
  • A linha tracejada ou pontilhada deve ter seu
    significado na legenda
  • Deve ser feito por grupamento de unidades
  • Das unidades maior hierarquia (direção) às de
    menor hierarquia (operacionais)
  • Unidades de mesmo nível devem estar na mesma
    linha horizontal
  • Em unidades do mesmo grupo, deve ser obedecida a
    ordem alfabética
  • Autoridade funcional é a autoridade sobre uma
    função

19
ORGANOGRAMATipos
  • Em Barras
  • São representados por intermédio de longos
    retângulos a partir de uma base vertical, onde o
    tamanho do retângulo é diretamente proporcional à
    importância da Autoridade que o representa.

20
ORGANOGRAMATipos
  • Em Setores (Setorial ou Setograma)
  • São elaborados por meio de círculos
    concêntricos, os quis representam os diversos
    níveis de autoridade a partir do círculo central,
    onde se localiza a autoridade maioe da empresa.

21
ORGANOGRAMA CIRCULAR OU RADIAL
22
ORGANOGRAMA CIRCULAR Características
  • Pouco utilizado
  • Suaviza a apresentação da estrutura
  • Economiza espaço
  • A autoridade é representada do centro para a
    periferia
  • As linhas de autoridade ficam difíceis de serem
    identificadas
  • Reduz conflitos entre superiores e subordinados
  • Exemplos de organizações hospitais,
    universidades (área acadêmica)
  • Representação de estruturas mais complexas
    torna-se difícil
  • Representação de muitos níveis hierárquicos
    torna-se difícil
  • Pode utilizar letras e números para simplificar
  • Necessita de legendas

23
ORGANOGRAMASTipos
  • Organograma Linear de Responsabilidade OLR
  • Possui um diferencial em relação aos demais
    organogramas pois sua preocupação não é
    representar o posicionamento hierárquico, mas,
    sim, o inter-relacionamento entre as diversas
    atividades e os responsáveis por cada uma delas.

24
ORGRANOGRAMASTipos
  • Informativo
  • Apresenta um máximo de informações de diversas
    naturezas relacionadas com cada unidade
    organizacional da empresa.

DEPARTAMENTO DE PESSOAL
Adm. João da Silva
Código 6754
Referência400 -30
Lotação 21
  • Síntese da Atribuições
  • Processar o controle de férias
  • Elaborar a Folha de Pagamento
  • Recrutar e selecionar pessoal

25
ORGANOGRAMATipos
  • Clássico (Vertical ou Retangular)
  • É o tipo de organograma mais completo e usual, o
    qual permite melhor entendimento da representação
    orgânica de uma empresa. Demonstra os órgãos de
    decisão, de assessoria, operacionais e o
    posicionamento hierárquico.

Decisão Superior
Assessoria
Decisão Intermediária
Decisão Intermediária
Operacionais
Operacionais
26
ORGANOGRAMA FUNCIONAL (tipo 1)
27
ORGANOGRAMA FUNCIONAL (tipo 2)
28
ORGRANOGRAMA FUNCIONALCaracterísticas
  • Tipo 1
  • O funcionário não tem um chefe hierárquico
    imediato
  • Assim que o funcionário conclui a tarefa, sua
    subordinação muda para o supervisor adequado à
    nova tarefa executada
  • As ligações indicam uma subordinação temporária
  • A subordinação à Presidência é hierárquica, é
    possível porém uma diretoria com dirigentes
    responsáveis por cada função na organização
  • Tipo 2
  • Aplicado em organizações de pequeno porte
  • Pouco verticalizada
  • Poucos chefes para várias atividades

29
ORGANOGRAMA ESTRUTURAL Funcional
  • Em alguns casos, substitui os manuais da
    organização
  • Só pode ser elaborado por partes (ocupa muito
    espaço!)
  • Retirando-se o prolongamento dos retângulos (as
    funções), converte-se no Organograma Estrutural

30
ORGANOGRAMA MATRICIAL
31
ORGANOGRAMA MATRICIAL Características
  • Resulta da estrutura tradicional mais a estrutura
    por projetos
  • Contempla dois tipos de autoridade funcional e
    hierárquica
  • A autoridade maior é dividida entre a Presidência
    (cunho político) e o titular da área de projetos
    (cunho técnico)
  • A sensação de duas chefias é permanente
  • Permite maior mobilidade e flexibilidade que as
    outras, mas é mais difícil de implementar
  • Difícil conciliar as duas estruturas
  • Podem ocorrer atritos por questões de jurisdição

32
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Representação dos órgãos
  • 1. Assessores ligados à linha
  • 2. Assistentes ligados ao órgão

2
Diretoria
Diretoria
Assessoria
1
(da pessoa)
Assessoria
(do órgão)
33
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Linhas Tracejadas
  • Para os órgãos que não existem formalmente ou
    deseja destacá-los, objetivando um estudo isolado.

Manutenção
Ônibus
Automóveis
Caminhões
Tratores
34
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • ? Os níveis superiores devem ser, discretamente,
    maiores que seus subordinados

? Para melhorar a estética usar a forma
intercalada na elaboração do organograma clássico
Diretoria
Departamento
Divisão
Serviço
Seção
Setor
35
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Representação das Linhas
  • Órgãos de decisão representada por linhas
    verticais
  • Órgãos de assessoria representada por linhas
    horizontais

36
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Representação dos Tipos de Autoridade

37
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Nível dos Órgãos
  • 1º nível órgãos deliberativos
  • 2º nível órgãos executivos
  • 3º nível órgãos técnicos
  • 4º nível órgãos operacionais

Deliberativos
Executivos
Técnicos
Técnicos
Operacionais
Operacionais
Operacionais
38
ORGANOGRAMATécnicas para Construção
  • Nomenclatura dos Órgãos
  • Os órgãos que estiverem no mesmo nível
    hierárquico devem possuir a mesma nomenclatura.

39
RECOMENDAÇÕES FINAIS
  • Além dos retângulos, podem ser usados círculos,
    retângulos com os cantos curvos e várias outras
    simbologias
  • Esteticamente, deve-se buscar a simetria no
    diagrama
  • Devem ser evitadas siglas e abreviações
  • A linha de coordenação não deve ligar unidades
    diretamente
  • O uso de nomes dos ocupantes dos cargos exigem
    constante atualização
  • Durante a elaboração do organograma, podem surgir
    discrepâncias, provavelmente é a estrutura
    informal
About PowerShow.com